Sabin Por: Sabin
Leitura
22min 22s
OUVIR 00:00
AAA

Exames de imagem são aqueles que possibilitam a observação das estruturas internas do corpo humano. Nem sempre os exames laboratoriais são suficientes ou eficientes para obter um diagnóstico e monitorar a saúde. Muitas vezes, o médico precisa, literalmente, ver o que está acontecendo no seu organismo e, para isso, ele conta com essa alternativa.

Tudo isso é feito de uma forma não invasiva. Para o médico, os exames de imagem são de grande ajuda porque trazem informações detalhadas; para você e sua família, proporcionam mais conforto e segurança no cuidado com a saúde.

Existem diversas técnicas para obter imagens diagnósticas, e cada uma delas é indicada para diferentes situações. Preparamos este artigo para apresentar os exames de imagem mais solicitados pelos médicos, além de trazer outras informações para você conhecer essas importantes ferramentas da medicina diagnóstica. Acompanhe com a gente!

O que é exame de imagem?

O exame de imagem é um procedimento ou técnica que permite obter imagens de órgãos e tecidos do corpo, porém, sem a necessidade de cortes ou qualquer método invasivo. Na prática, fazemos uma fotografia ou um vídeo das estruturas internas do organismo.

Isso é possível em função de diferentes tecnologias, como as de captação de ondas sonoras, de radiofrequência e os raios-X. Muitas vezes, são combinadas com outros recursos, como os contrastes e a tecnologia 3D, para favorecer as imagens ou viabilizar a realização do procedimento.

Com eles, é possível identificar, por exemplo, um traumatismo, as características de um órgão, as condições de alguns tecidos, obstruções em veias e artérias ou mesmo a presença de nódulos e tumores.

Especialistas de todas as áreas da medicina têm nos exames de imagem grandes aliados. Por meio deles, podem conhecer a anatomia de qualquer pessoa, investigar suas condições clínicas, obter diagnósticos ou fazer o acompanhamento de questões pré-existentes.

O especialista consegue entender o que está acontecendo dentro do seu corpo de uma forma simples, prática e muito rápida. Faz uma investigação completa sem utilizar procedimentos invasivos, conferindo mais conforto e segurança para você.

Quando surgiu o primeiro exame de imagem?

Quando falamos sobre exames de imagem, temos a impressão de que essa é uma tecnologia muito atual, não é verdade? No entanto, ela já existe desde o século 19. Você sabia que a primeira radiografia da história foi realizada em 1895?

O físico alemão Wilhelm Conrad Roentgen fez uma descoberta experimental no dia 22 de dezembro daquele ano, examinando a mão esquerda da sua esposa. Foram necessários 15 minutos para obter as imagens, mas, revelando o filme fotográfico, ele obteve a imagem das estruturas internas da mão dela.

Depois da descoberta dos raios-X por Roentgen, que conferiu ao físico alemão o prêmio Nobel em 1901, surgiram novas tecnologias. O desenvolvimento da ultrassonografia, por exemplo, começou no final da Segunda Guerra Mundial. A tomografia computadorizada foi desenvolvida em 1973 e a ressonância magnética surgiu alguns anos depois, em 1980.

Assim, ao longo do tempo, conforme foram inventadas ou descobertas novas técnicas e tecnologias, elas passaram a ser aplicadas também na medicina diagnóstica. Os exames de imagem foram aprimorados, ganhando cada vez mais nitidez e precisão, facilitando o trabalho dos médicos e possibilitando um atendimento de maior qualidade e mais agilidade nos tratamentos.

Por que médicos pedem exame de imagem?

Os médicos solicitam exames de imagem quando precisam identificar padrões e anormalidades em áreas internas do organismo. Esses procedimentos são fundamentais para nortear as decisões dos especialistas, possibilitando realizar tratamentos precoces ou acompanhar a evolução de um quadro clínico.

Basicamente, existem três situações nas quais os médicos solicitam os exames de imagem. São elas: para fazer uma investigação clínica, obter diagnósticos ou monitorar os pacientes. Veja mais detalhes de cada uma a seguir.

Investigação clínica

Vamos imaginar um paciente que tenha se acidentado no trânsito. Ele chega ao pronto-atendimento sem lesões visíveis. Aparentemente, foi apenas um susto, mas como ter certeza de que tudo realmente está bem? Afinal, as lesões podem ser internas, então, o médico faz uma investigação clínica por meio dos exames de imagem.

Com esses procedimentos, o médico observa como estão os ossos, tecidos e os órgãos. Pode verificar condições que não são evidentes e que até mesmo o paciente não está sentindo em função do traumatismo, da carga de adrenalina ou por estar inconsciente.

Também são solicitados exames de imagem para pessoas com queixas de sintomas comuns em diferentes quadros clínicos. Como é o caso de tosse e dor torácica, que podem indicar um quadro de pneumonia ou algum comprometimento dos pulmões. Por meio da radiografia é possível fazer essa investigação e tirar as dúvidas.

Em resumo, com essas técnicas o especialista pode oferecer os primeiros cuidados para você, tomando as melhores decisões. Também identifica a necessidade de iniciar um tratamento imediato ou de fazer o encaminhamento para outros especialistas.

Obtenção de diagnósticos

Por meio dos exames de imagem também é possível obter diagnósticos. Um nódulo pode ser investigado por meio da ultrassonografia. O procedimento mostra algumas características desse nódulo e, muitas vezes, permite identificar o que ele é, como no caso dos cistos. Aponta, ainda, indícios de malignidade, eliminando suspeitas.

Da mesma forma, podemos identificar a presença de cálculos renais, ou seja, de pedras nos rins; também fraturas, alterações anatômicas, entre muitos outros quadros clínicos. Tudo isso porque, como dito, com as imagens o médico visualiza detalhes dos tecidos, órgãos e estruturas, tendo mais informações para confirmar o diagnóstico.

Monitoramento de pacientes

Alguns pacientes se enquadram em grupos de risco para o desenvolvimento de diferentes doenças. Outros são portadores de condições que poderiam trazer algum comprometimento para a saúde, por isso, precisam ser monitorados para observar a evolução do quadro.

Os exames de imagem permitem acompanhar essas pessoas para monitorar a sua saúde. Um nódulo na tireoide, na maioria das vezes, é benigno, mas o paciente precisa realizar exames de rotina para observar se não houve nenhuma alteração. Nesse caso, é realizada a ultrassonografia.

Diversas outras condições e quadros clínicos exigem esse monitoramento constante. Com os exames de imagem, o médico tem material para observar essa evolução do paciente, inclusive com o objetivo de verificar se os tratamentos que foram adotados estão surtindo o efeito esperado.

Mas não podemos esquecer que esses procedimentos também fazem parte de momentos muito especiais. Mulheres gestantes realizam exames de imagem para acompanhar o desenvolvimento do bebê e monitorar a saúde gestacional.

Quais são os exames de imagem mais solicitados pelos médicos?

Explicamos que existem diversos tipos de exame de imagem e que cada um deles tem indicações e objetivos diferentes. Alguns são muito solicitados por especialistas de várias áreas médicas, e nós fizemos uma lista com eles para que você conheça um pouco mais dessas técnicas tão importantes para a medicina e para você. Entenda melhor!

Raios-X

O raio-X, ou a radiografia, é um dos exames de imagem mais populares e tradicionais. Ele produz imagens em 2D a partir de radiação ionizante. A radiografia é direcionada para a região do corpo que se pretende investigar e gera imagens que, hoje, podem ser registradas diretamente em meio digital.

A densidade do tecido ou do material que está sendo analisado influencia o nível de absorção da radiação ionizante. Assim, quanto mais denso, maior será a sua evidência na imagem gerada. É por isso que a radiografia é bastante útil para investigar a estrutura dos ossos, já que mostra com uma nitidez maior o tecido ósseo.

Entretanto, também é um exame muito eficiente para analisar os pulmões, mostrando a presença de lesões, o acúmulo de secreção, entre outras condições que comprometem o funcionamento desses órgãos. Utilizando contraste, é possível, ainda, investigar quadros de refluxo gastroesofágico, entre muitas outras aplicações gastro-intestinais.

Quanto à questão da radiação ionizante, mesmo tendo grande quantidade de energia, nos exames de imagem, como o raio-X ou a densitometria óssea (dos quais ainda vamos falar), essa radiação tem baixa intensidade, e se usado de maneira correta, não geram nenhum problema para pacientes e médicos, ok?

Densitometria óssea

Assim como na técnica de raios-X, esse exame utiliza radiação ionizante para obter imagens; nesse caso, especificamente dos ossos. Sendo que a quantidade de radiação utilizada é bem menor em função da tecnologia que compõe o equipamento.

São captadas imagens que apontam se existe perda de cálcio no tecido ósseo, mostrando assim a densidade mineral dele. Por isso, é uma técnica muito eficaz para o diagnóstico de condições como a osteopenia e a osteoporose.

Mamografia

Esse exame de imagem foi desenvolvido para fazer uma apuração exclusiva do tecido mamário. É uma técnica muito comum que utiliza a tecnologia de raio-X para mostrar um contraste entre os tecidos saudáveis da mama, algumas formações benignas, cistos e neoplasias, como os tumores.

Atualmente, é um dos exames mais importantes para prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Isso porque possibilita identificar condições pré-cancerosas ou cânceres ainda no começo, favorecendo o início de um tratamento imediato, menos invasivo e com maiores chances de cura.

Tomografia computadorizada

A tomografia computadorizada é um dos exames de imagem mais eficientes hoje em dia. Afinal, ela possibilita obter imagens seccionais mais detalhadas do corpo do paciente.

São combinadas várias projeções de raios-X, tiradas sob ângulos diferentes. Dessa forma, criamos imagens 3D de órgãos e tecidos moles, além de vasos sanguíneos. Tudo isso com uma alta precisão, o que possibilita identificar as mais variadas questões de saúde, incluindo os tumores.

Essa técnica é muito eficiente para o diagnóstico de diversos tipos de câncer. Portanto, é comumente solicitada quando há suspeita dessa doença, em especial no fígado, pâncreas e pulmão. De toda forma, também apresenta excelentes resultados em análises detalhadas de lesões ósseas.

Ultrassonografia

A ultrassonografia utiliza ondas sonoras em alta frequência para gerar as imagens. Elas são obtidas a partir dos ecos do som que a máquina envia para o corpo. O exame é eficiente para analisar diferentes estruturas e identificar condições musculares, vasculares e a anatomia dos órgãos de um modo geral.

Embora seja utilizado nos mais variados casos clínicos, esse exame é mais conhecido por ter uma grande eficiência para acompanhar gestações. Ele é parte fundamental do pré-natal, indispensável para monitorar o desenvolvimento do feto e a saúde gestacional.

Por meio desse exame, obtemos informações como:

  • aspecto da placenta;
  • batimentos cardíacos do feto;
  • questões cromossômicas;
  • idade gestacional;
  • análise morfológica.

Também é um exame bastante desejado pelas futuras mamães porque possibilita descobrir o sexo do bebê, com uma grande porcentagem de acerto. Esse é um momento muito especial para a família, que possibilita um melhor planejamento da chegada do novo membro.

Ressonância magnética

Para realização da ressonância magnética, são utilizadas ondas de radiofrequência em um campo magnético potente. Essa tecnologia possibilita criar imagens precisas de tecidos e órgãos, todas com uma alta qualidade.

Esse exame é eficiente para a avaliação de lesões em ossos e articulações, assim como no diagnóstico de doenças do sistema nervoso central e em investigações na região abdominal.

Como são os laudos dos exames de imagem?

Os laudos trazem uma descrição de tudo o que foi analisado e identificado, assim como a técnica aplicada e possíveis intercorrências durante o procedimento. São os documentos que complementam os exames de imagem, emitidos por médicos.

Com a evolução da tecnologia, as imagens captadas pelos exames podem ser totalmente digitalizadas. Elas são enviadas do equipamento para o computador, gerando arquivos que são facilmente compartilháveis entre profissionais. Isso facilita bastante a emissão de laudos a distância.

Nesse documento, também está contido o diagnóstico. Sendo assim, um exame de imagem sem laudo não está completo. O laudo é a conclusão do procedimento, trazendo um resultado que vai nortear as próximas decisões do médico responsável pela solicitação.

Por isso, é fundamental contar com o atendimento de uma equipe especializada e competente, em todas as etapas. Afinal, o exame precisa ser realizado com a técnica mais adequada, e o laudo deve ser emitido com total precisão e interpretado pelo médico responsável, para que você receba o melhor tratamento.

Quais são as vantagens de fazer os exames de imagem?

Os exames de imagem beneficiam tanto o trabalho do médico quanto o próprio paciente, proporcionando um melhor atendimento. A seguir, listamos as principais vantagens que essas técnicas proporcionam.

Contribuem para o diagnóstico precoce

Como explicamos, os exames de imagem possibilitam obter um diagnóstico precoce, e esse é um dos seus principais benefícios. Podemos perceber indícios de quadros mais simples, como um desgaste na articulação, mas também diversos tipos de câncer.

Com esses procedimentos, o médico identifica essas condições antes de elas se agravarem e iniciam o tratamento imediato. Assim, podemos evitar doenças ou impedir a progressão de quadros degenerativos. Também tornamos os tratamentos mais simples e menos agressivos.

Afinal, quando a condição é descoberta ainda no começo, as técnicas aplicadas para restabelecer a saúde são menos invasivas ou trazem menos efeitos colaterais ou possíveis sequelas. O diagnóstico precoce aumenta consideravelmente as chances de cura e melhora a qualidade de vida durante e após o tratamento.

Não são invasivos

Outro aspecto positivo dos exames de imagem é que eles são menos invasivos em comparação com outros procedimentos. Isso traz mais conforto para o paciente no momento da avaliação, além de facilitar o trabalho do médico, que terá um paciente mais colaborativo.

A insegurança e o estresse são minimizados, o que também favorece o tratamento de pacientes sob condições especiais, incluindo crianças e pessoas idosas. Essa baixa invasividade proporciona, ainda, mais segurança e menos riscos para o paciente.

Usam a tecnologia para melhor experiência

Você viu que os exames de imagem evoluíram conforme a tecnologia foi avançando. Hoje, na era digital e de grande informatização, é possível aprimorar ainda mais as técnicas para que elas tenham uma precisão maior, mais aplicações e ofereçam mais conforto e segurança.

De acordo com o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde CNES, entre 2014 e 2018 houve um aumento de 95% do número de mamógrafos computadorizados no Brasil, por exemplo. Ou seja, os avanços e inovações facilitam o acesso a um cuidado de maior qualidade com a saúde.

Não podemos esquecer, também, que a tecnologia agregada nos exames de imagem favorece muito a atuação médica e de outros especialistas da área de saúde. As informações são cada vez mais completas e detalhadas, possibilitando diagnósticos ainda mais rápidos e precisos.

Trazem segurança e credibilidade nas informações

Os exames de imagem mostram aquilo que existe de fato. Eles fazem uma leitura do organismo e registram o que foi captado pelo equipamento, trazendo evidências concretas de forma complementar à análise clínica.

Com isso, minimizamos significativamente as margens de erro, trazendo muito mais segurança nos laudos e diagnósticos emitidos. A credibilidade das informações é maior, inclusive, porque temos a tecnologia como grande aliada para fazer essas investigações.

Por que optar pelo Sabin ao fazer exames de imagem?

Você lembra que falamos da importância de contar com uma equipe especializada para a realização dos exames de imagem? É por isso que faz toda a diferença escolher com cautela o laboratório onde você vai fazer os seus exames.

No Sabin, você encontra um portfólio completo de exames de imagem certificados pelo Padi (Programa de Acreditação em Diagnóstico por Imagem). O laboratório conta com o suporte de uma equipe de especialistas altamente qualificados, que utilizam tecnologia de ponta para entender o seu corpo nos mínimos detalhes e obter diagnósticos com alta precisão.

A excelência do trabalho do Sabin é atestada por certificações de qualidade como a do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR), um reconhecimento conferido a um grupo seleto. O trabalho do Sabin também é reconhecido pelo Conselho Espaço Mulher por oferecer mais conforto e discrição para elas durante o cuidado com sua saúde.

Ao escolher o Sabin, você ainda tem acesso a outros diferenciais, como a transmissão online da ultrassonografia gestacional. Ela possibilita à família acompanhar esse momento tão importante junto com a futura mamãe.

Temos o cuidado de disponibilizar diferentes serviços para facilitar o seu cuidado com a saúde, como o pré-agendamento online; além de ampliar o atendimento para pacientes com os mais diferentes perfis, como com a ressonância integrada com capacidade para suportar até 250 kg.

E tudo isso se soma ao atendimento centrado em você e na sua família, com total atenção às suas necessidades. Afinal, o compromisso do Sabin é cuidar de pessoas, enxergando além do diagnóstico.

Como agendar o exame de imagem pelo Sabin?

Como dito, no Sabin você conta com a facilidade do pré-agendamento, um serviço que também está disponível para os exames de imagem. Com ele, você não precisa comparecer a uma das unidades do laboratório para agendar o procedimento.

Depois de passar pela consulta com o seu médico de confiança, você só precisa entrar no site do Sabin para fazer a solicitação de forma remota e digital. Basta preencher todas as informações que vão aparecer na tela e agendar o melhor dia e horário para realização do procedimento.

Mas, se você preferir, ou se precisar de alguma ajuda e tiver dúvidas, pode fazer a solicitação também pela central de atendimento do Sabin. Uma equipe estará de prontidão para ajudar você a fazer o agendamento de uma forma rápida e simples.

São todos esses cuidados que fizeram o Sabin se tornar uma grande referência em atendimento. São mais de 36 anos de atuação no mercado, realizando variados tipos de serviços de medicina diagnóstica. Tudo isso sempre mantendo o cuidado e a excelência necessários para garantir uma melhor experiência para você.

Os exames de imagem são muito importantes para a obtenção de diagnósticos e o monitoramento da saúde. Por isso, quando for realizar os seus, dê preferência para um laboratório que trabalhe com tecnologia de ponta, a fim de garantir ainda mais precisão nos resultados e favorecer o seu tratamento e cuidado com a saúde.

Conte com o Sabin para a realização dos exames de imagem e outros procedimentos, como os exames laboratoriais. Aproveite para ter acesso aos serviços de vacinação e atendimentos especiais, como a coleta em domicílio. Assim, garantimos ainda mais conforto e segurança para você.

Saiba mais sobre os serviços realizados pelo Sabin. Acesse o site para conhecer os exames à sua disposição!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Autocuidado

Conheça 8 dicas práticas para ter uma rotina saudável

É muito comum ouvirmos que devemos adotar uma rotina saudável. Essa ideia está presente na mídia, nos consultórios médicos e até nas rodas de conversa em família. Mas, afinal, o que isso significa? A verdade é que depende. Não há uma única...

Autocuidado

Saiba como os exercícios físicos ajudam na sua saúde

Você já deve ter ouvido falar sobre como exercícios físicos ajudam na saúde, certo? Mas, afinal, qual é a relevância desse hábito para o nosso dia a dia? Apenas se exercitar é o suficiente para ter um organismo mais saudável? E como praticá-los da...

Saúde

O que é Novembro Azul? Entenda o mês de prevenção ao câncer de próstata

Quando o assunto é câncer, todo mundo fica um pouco assustado. Não é para menos, já que essa é uma doença séria, podendo ser fatal. No entanto, uma das principais medidas para evitar esse desfecho é o diagnóstico precoce, um dos principais temas...

Você sabe o que são e como funcionam os exames de imagem? Entenda;Exames de imagem são aqueles que possibilitam a observação das estruturas internas do corpo humano. Nem sempre os exames laboratoriais são suficientes ou eficientes para obter um diagnóstico e monitorar a saúde. Muitas vezes, o médico precisa, literalmente, ver o que está acontecendo no seu organismo e, para isso, ele conta com essa alternativa. Tudo isso é feito de uma forma não invasiva. Para o médico, os exames de imagem são de grande ajuda porque trazem informações detalhadas; para você e sua família, proporcionam mais conforto e segurança no cuidado com a saúde. Existem diversas técnicas para obter imagens diagnósticas, e cada uma delas é indicada para diferentes situações. Preparamos este artigo para apresentar os exames de imagem mais solicitados pelos médicos, além de trazer outras informações para você conhecer essas importantes ferramentas da medicina diagnóstica. Acompanhe com a gente! O que é exame de imagem? O exame de imagem é um procedimento ou técnica que permite obter imagens de órgãos e tecidos do corpo, porém, sem a necessidade de cortes ou qualquer método invasivo. Na prática, fazemos uma fotografia ou um vídeo das estruturas internas do organismo. Isso é possível em função de diferentes tecnologias, como as de captação de ondas sonoras, de radiofrequência e os raios-X. Muitas vezes, são combinadas com outros recursos, como os contrastes e a tecnologia 3D, para favorecer as imagens ou viabilizar a realização do procedimento. Com eles, é possível identificar, por exemplo, um traumatismo, as características de um órgão, as condições de alguns tecidos, obstruções em veias e artérias ou mesmo a presença de nódulos e tumores. Especialistas de todas as áreas da medicina têm nos exames de imagem grandes aliados. Por meio deles, podem conhecer a anatomia de qualquer pessoa, investigar suas condições clínicas, obter diagnósticos ou fazer o acompanhamento de questões pré-existentes. O especialista consegue entender o que está acontecendo dentro do seu corpo de uma forma simples, prática e muito rápida. Faz uma investigação completa sem utilizar procedimentos invasivos, conferindo mais conforto e segurança para você. Quando surgiu o primeiro exame de imagem? Quando falamos sobre exames de imagem, temos a impressão de que essa é uma tecnologia muito atual, não é verdade? No entanto, ela já existe desde o século 19. Você sabia que a primeira radiografia da história foi realizada em 1895? O físico alemão Wilhelm Conrad Roentgen fez uma descoberta experimental no dia 22 de dezembro daquele ano, examinando a mão esquerda da sua esposa. Foram necessários 15 minutos para obter as imagens, mas, revelando o filme fotográfico, ele obteve a imagem das estruturas internas da mão dela. Depois da descoberta dos raios-X por Roentgen, que conferiu ao físico alemão o prêmio Nobel em 1901, surgiram novas tecnologias. O desenvolvimento da ultrassonografia, por exemplo, começou no final da Segunda Guerra Mundial. A tomografia computadorizada foi desenvolvida em 1973 e a ressonância magnética surgiu alguns anos depois, em 1980. Assim, ao longo do tempo, conforme foram inventadas ou descobertas novas técnicas e tecnologias, elas passaram a ser aplicadas também na medicina diagnóstica. Os exames de imagem foram aprimorados, ganhando cada vez mais nitidez e precisão, facilitando o trabalho dos médicos e possibilitando um atendimento de maior qualidade e mais agilidade nos tratamentos. Por que médicos pedem exame de imagem? Os médicos solicitam exames de imagem quando precisam identificar padrões e anormalidades em áreas internas do organismo. Esses procedimentos são fundamentais para nortear as decisões dos especialistas, possibilitando realizar tratamentos precoces ou acompanhar a evolução de um quadro clínico. Basicamente, existem três situações nas quais os médicos solicitam os exames de imagem. São elas: para fazer uma investigação clínica, obter diagnósticos ou monitorar os pacientes. Veja mais detalhes de cada uma a seguir. Investigação clínica Vamos imaginar um paciente que tenha se acidentado no trânsito. Ele chega ao pronto-atendimento sem lesões visíveis. Aparentemente, foi apenas um susto, mas como ter certeza de que tudo realmente está bem? Afinal, as lesões podem ser internas, então, o médico faz uma investigação clínica por meio dos exames de imagem. Com esses procedimentos, o médico observa como estão os ossos, tecidos e os órgãos. Pode verificar condições que não são evidentes e que até mesmo o paciente não está sentindo em função do traumatismo, da carga de adrenalina ou por estar inconsciente. Também são solicitados exames de imagem para pessoas com queixas de sintomas comuns em diferentes quadros clínicos. Como é o caso de tosse e dor torácica, que podem indicar um quadro de pneumonia ou algum comprometimento dos pulmões. Por meio da radiografia é possível fazer essa investigação e tirar as dúvidas. Em resumo, com essas técnicas o especialista pode oferecer os primeiros cuidados para você, tomando as melhores decisões. Também identifica a necessidade de iniciar um tratamento imediato ou de fazer o encaminhamento para outros especialistas. Obtenção de diagnósticos Por meio dos exames de imagem também é possível obter diagnósticos. Um nódulo pode ser investigado por meio da ultrassonografia. O procedimento mostra algumas características desse nódulo e, muitas vezes, permite identificar o que ele é, como no caso dos cistos. Aponta, ainda, indícios de malignidade, eliminando suspeitas. Da mesma forma, podemos identificar a presença de cálculos renais, ou seja, de pedras nos rins; também fraturas, alterações anatômicas, entre muitos outros quadros clínicos. Tudo isso porque, como dito, com as imagens o médico visualiza detalhes dos tecidos, órgãos e estruturas, tendo mais informações para confirmar o diagnóstico. Monitoramento de pacientes Alguns pacientes se enquadram em grupos de risco para o desenvolvimento de diferentes doenças. Outros são portadores de condições que poderiam trazer algum comprometimento para a saúde, por isso, precisam ser monitorados para observar a evolução do quadro. Os exames de imagem permitem acompanhar essas pessoas para monitorar a sua saúde. Um nódulo na tireoide, na maioria das vezes, é benigno, mas o paciente precisa realizar exames de rotina para observar se não houve nenhuma alteração. Nesse caso, é realizada a ultrassonografia. Diversas outras condições e quadros clínicos exigem esse monitoramento constante. Com os exames de imagem, o médico tem material para observar essa evolução do paciente, inclusive com o objetivo de verificar se os tratamentos que foram adotados estão surtindo o efeito esperado. Mas não podemos esquecer que esses procedimentos também fazem parte de momentos muito especiais. Mulheres gestantes realizam exames de imagem para acompanhar o desenvolvimento do bebê e monitorar a saúde gestacional. Quais são os exames de imagem mais solicitados pelos médicos? Explicamos que existem diversos tipos de exame de imagem e que cada um deles tem indicações e objetivos diferentes. Alguns são muito solicitados por especialistas de várias áreas médicas, e nós fizemos uma lista com eles para que você conheça um pouco mais dessas técnicas tão importantes para a medicina e para você. Entenda melhor! Raios-X O raio-X, ou a radiografia, é um dos exames de imagem mais populares e tradicionais. Ele produz imagens em 2D a partir de radiação ionizante. A radiografia é direcionada para a região do corpo que se pretende investigar e gera imagens que, hoje, podem ser registradas diretamente em meio digital. A densidade do tecido ou do material que está sendo analisado influencia o nível de absorção da radiação ionizante. Assim, quanto mais denso, maior será a sua evidência na imagem gerada. É por isso que a radiografia é bastante útil para investigar a estrutura dos ossos, já que mostra com uma nitidez maior o tecido ósseo. Entretanto, também é um exame muito eficiente para analisar os pulmões, mostrando a presença de lesões, o acúmulo de secreção, entre outras condições que comprometem o funcionamento desses órgãos. Utilizando contraste, é possível, ainda, investigar quadros de refluxo gastroesofágico, entre muitas outras aplicações gastro-intestinais. Quanto à questão da radiação ionizante, mesmo tendo grande quantidade de energia, nos exames de imagem, como o raio-X ou a densitometria óssea (dos quais ainda vamos falar), essa radiação tem baixa intensidade, e se usado de maneira correta, não geram nenhum problema para pacientes e médicos, ok? Densitometria óssea Assim como na técnica de raios-X, esse exame utiliza radiação ionizante para obter imagens; nesse caso, especificamente dos ossos. Sendo que a quantidade de radiação utilizada é bem menor em função da tecnologia que compõe o equipamento. São captadas imagens que apontam se existe perda de cálcio no tecido ósseo, mostrando assim a densidade mineral dele. Por isso, é uma técnica muito eficaz para o diagnóstico de condições como a osteopenia e a osteoporose. Mamografia Esse exame de imagem foi desenvolvido para fazer uma apuração exclusiva do tecido mamário. É uma técnica muito comum que utiliza a tecnologia de raio-X para mostrar um contraste entre os tecidos saudáveis da mama, algumas formações benignas, cistos e neoplasias, como os tumores. Atualmente, é um dos exames mais importantes para prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Isso porque possibilita identificar condições pré-cancerosas ou cânceres ainda no começo, favorecendo o início de um tratamento imediato, menos invasivo e com maiores chances de cura. Tomografia computadorizada A tomografia computadorizada é um dos exames de imagem mais eficientes hoje em dia. Afinal, ela possibilita obter imagens seccionais mais detalhadas do corpo do paciente. São combinadas várias projeções de raios-X, tiradas sob ângulos diferentes. Dessa forma, criamos imagens 3D de órgãos e tecidos moles, além de vasos sanguíneos. Tudo isso com uma alta precisão, o que possibilita identificar as mais variadas questões de saúde, incluindo os tumores. Essa técnica é muito eficiente para o diagnóstico de diversos tipos de câncer. Portanto, é comumente solicitada quando há suspeita dessa doença, em especial no fígado, pâncreas e pulmão. De toda forma, também apresenta excelentes resultados em análises detalhadas de lesões ósseas. Ultrassonografia A ultrassonografia utiliza ondas sonoras em alta frequência para gerar as imagens. Elas são obtidas a partir dos ecos do som que a máquina envia para o corpo. O exame é eficiente para analisar diferentes estruturas e identificar condições musculares, vasculares e a anatomia dos órgãos de um modo geral. Embora seja utilizado nos mais variados casos clínicos, esse exame é mais conhecido por ter uma grande eficiência para acompanhar gestações. Ele é parte fundamental do pré-natal, indispensável para monitorar o desenvolvimento do feto e a saúde gestacional. Por meio desse exame, obtemos informações como: aspecto da placenta; batimentos cardíacos do feto; questões cromossômicas; idade gestacional; análise morfológica. Também é um exame bastante desejado pelas futuras mamães porque possibilita descobrir o sexo do bebê, com uma grande porcentagem de acerto. Esse é um momento muito especial para a família, que possibilita um melhor planejamento da chegada do novo membro. Ressonância magnética Para realização da ressonância magnética, são utilizadas ondas de radiofrequência em um campo magnético potente. Essa tecnologia possibilita criar imagens precisas de tecidos e órgãos, todas com uma alta qualidade. Esse exame é eficiente para a avaliação de lesões em ossos e articulações, assim como no diagnóstico de doenças do sistema nervoso central e em investigações na região abdominal. Como são os laudos dos exames de imagem? Os laudos trazem uma descrição de tudo o que foi analisado e identificado, assim como a técnica aplicada e possíveis intercorrências durante o procedimento. São os documentos que complementam os exames de imagem, emitidos por médicos. Com a evolução da tecnologia, as imagens captadas pelos exames podem ser totalmente digitalizadas. Elas são enviadas do equipamento para o computador, gerando arquivos que são facilmente compartilháveis entre profissionais. Isso facilita bastante a emissão de laudos a distância. Nesse documento, também está contido o diagnóstico. Sendo assim, um exame de imagem sem laudo não está completo. O laudo é a conclusão do procedimento, trazendo um resultado que vai nortear as próximas decisões do médico responsável pela solicitação. Por isso, é fundamental contar com o atendimento de uma equipe especializada e competente, em todas as etapas. Afinal, o exame precisa ser realizado com a técnica mais adequada, e o laudo deve ser emitido com total precisão e interpretado pelo médico responsável, para que você receba o melhor tratamento. Quais são as vantagens de fazer os exames de imagem? Os exames de imagem beneficiam tanto o trabalho do médico quanto o próprio paciente, proporcionando um melhor atendimento. A seguir, listamos as principais vantagens que essas técnicas proporcionam. Contribuem para o diagnóstico precoce Como explicamos, os exames de imagem possibilitam obter um diagnóstico precoce, e esse é um dos seus principais benefícios. Podemos perceber indícios de quadros mais simples, como um desgaste na articulação, mas também diversos tipos de câncer. Com esses procedimentos, o médico identifica essas condições antes de elas se agravarem e iniciam o tratamento imediato. Assim, podemos evitar doenças ou impedir a progressão de quadros degenerativos. Também tornamos os tratamentos mais simples e menos agressivos. Afinal, quando a condição é descoberta ainda no começo, as técnicas aplicadas para restabelecer a saúde são menos invasivas ou trazem menos efeitos colaterais ou possíveis sequelas. O diagnóstico precoce aumenta consideravelmente as chances de cura e melhora a qualidade de vida durante e após o tratamento. Não são invasivos Outro aspecto positivo dos exames de imagem é que eles são menos invasivos em comparação com outros procedimentos. Isso traz mais conforto para o paciente no momento da avaliação, além de facilitar o trabalho do médico, que terá um paciente mais colaborativo. A insegurança e o estresse são minimizados, o que também favorece o tratamento de pacientes sob condições especiais, incluindo crianças e pessoas idosas. Essa baixa invasividade proporciona, ainda, mais segurança e menos riscos para o paciente. Usam a tecnologia para melhor experiência Você viu que os exames de imagem evoluíram conforme a tecnologia foi avançando. Hoje, na era digital e de grande informatização, é possível aprimorar ainda mais as técnicas para que elas tenham uma precisão maior, mais aplicações e ofereçam mais conforto e segurança. De acordo com o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde CNES, entre 2014 e 2018 houve um aumento de 95% do número de mamógrafos computadorizados no Brasil, por exemplo. Ou seja, os avanços e inovações facilitam o acesso a um cuidado de maior qualidade com a saúde. Não podemos esquecer, também, que a tecnologia agregada nos exames de imagem favorece muito a atuação médica e de outros especialistas da área de saúde. As informações são cada vez mais completas e detalhadas, possibilitando diagnósticos ainda mais rápidos e precisos. Trazem segurança e credibilidade nas informações Os exames de imagem mostram aquilo que existe de fato. Eles fazem uma leitura do organismo e registram o que foi captado pelo equipamento, trazendo evidências concretas de forma complementar à análise clínica. Com isso, minimizamos significativamente as margens de erro, trazendo muito mais segurança nos laudos e diagnósticos emitidos. A credibilidade das informações é maior, inclusive, porque temos a tecnologia como grande aliada para fazer essas investigações. Por que optar pelo Sabin ao fazer exames de imagem? Você lembra que falamos da importância de contar com uma equipe especializada para a realização dos exames de imagem? É por isso que faz toda a diferença escolher com cautela o laboratório onde você vai fazer os seus exames. No Sabin, você encontra um portfólio completo de exames de imagem certificados pelo Padi (Programa de Acreditação em Diagnóstico por Imagem). O laboratório conta com o suporte de uma equipe de especialistas altamente qualificados, que utilizam tecnologia de ponta para entender o seu corpo nos mínimos detalhes e obter diagnósticos com alta precisão. A excelência do trabalho do Sabin é atestada por certificações de qualidade como a do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR), um reconhecimento conferido a um grupo seleto. O trabalho do Sabin também é reconhecido pelo Conselho Espaço Mulher por oferecer mais conforto e discrição para elas durante o cuidado com sua saúde. Ao escolher o Sabin, você ainda tem acesso a outros diferenciais, como a transmissão online da ultrassonografia gestacional. Ela possibilita à família acompanhar esse momento tão importante junto com a futura mamãe. Temos o cuidado de disponibilizar diferentes serviços para facilitar o seu cuidado com a saúde, como o pré-agendamento online; além de ampliar o atendimento para pacientes com os mais diferentes perfis, como com a ressonância integrada com capacidade para suportar até 250 kg. E tudo isso se soma ao atendimento centrado em você e na sua família, com total atenção às suas necessidades. Afinal, o compromisso do Sabin é cuidar de pessoas, enxergando além do diagnóstico. Como agendar o exame de imagem pelo Sabin? Como dito, no Sabin você conta com a facilidade do pré-agendamento, um serviço que também está disponível para os exames de imagem. Com ele, você não precisa comparecer a uma das unidades do laboratório para agendar o procedimento. Depois de passar pela consulta com o seu médico de confiança, você só precisa entrar no site do Sabin para fazer a solicitação de forma remota e digital. Basta preencher todas as informações que vão aparecer na tela e agendar o melhor dia e horário para realização do procedimento. Mas, se você preferir, ou se precisar de alguma ajuda e tiver dúvidas, pode fazer a solicitação também pela central de atendimento do Sabin. Uma equipe estará de prontidão para ajudar você a fazer o agendamento de uma forma rápida e simples. São todos esses cuidados que fizeram o Sabin se tornar uma grande referência em atendimento. São mais de 36 anos de atuação no mercado, realizando variados tipos de serviços de medicina diagnóstica. Tudo isso sempre mantendo o cuidado e a excelência necessários para garantir uma melhor experiência para você. Os exames de imagem são muito importantes para a obtenção de diagnósticos e o monitoramento da saúde. Por isso, quando for realizar os seus, dê preferência para um laboratório que trabalhe com tecnologia de ponta, a fim de garantir ainda mais precisão nos resultados e favorecer o seu tratamento e cuidado com a saúde. Conte com o Sabin para a realização dos exames de imagem e outros procedimentos, como os exames laboratoriais. Aproveite para ter acesso aos serviços de vacinação e atendimentos especiais, como a coleta em domicílio. Assim, garantimos ainda mais conforto e segurança para você. Saiba mais sobre os serviços realizados pelo Sabin. Acesse o site para conhecer os exames à sua disposição!

Olá! Nosso site utiliza cookies para que possamos otimizar o atendimento que prestamos a você. Ao utilizar nosso site, você concorda com uso deles. Para saber mais, leia nossa política de privacidade.