Sabin Por: Sabin
Leitura
8min 41s
OUVIR 00:00
AAA

A preocupação e os cuidados com a saúde devem fazer parte da rotina de qualquer pessoa, certo? Mas quando se fala na saúde da mulher, a atenção deve ser ainda maior. Imagine para alguém que planeja, por exemplo, ter filhos nos próximos anos? O corpo precisa estar preparado para um momento tão bonito e desafiador.

Além de ser uma forma de garantir que o organismo esteja saudável, alguns cuidados ajudam na prevenção de doenças e identificação de situações ainda em um estágio inicial, o que pode facilitar um eventual tratamento. O câncer de mama é um exemplo disso, que pode ser tratado com mais eficiência e menor agressividade ao ser descoberto logo no começo.

Mas, na prática, quais são os exames mais importantes e que devem fazer parte da rotina de cuidados da saúde da mulher? Quais são os benefícios que cada um deles proporciona e como eles impactam a qualidade de vida da paciente? Esclarecemos essas dúvidas agora, vamos lá?

Qual a importância da atenção com a saúde da mulher?

Segundo levantamento do Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de mama representa 24,5% de todos os cânceres em mulheres no mundo. Em 2020, só no Brasil, foram mais de 66 mil casos. A taxa de mortalidade também é considerada alta, com 14 óbitos a cada 100 mil mulheres. O INCA reforça a tendência de crescimento desses números alarmantes.

Esse é apenas um exemplo de como os cuidados com a saúde da mulher são fundamentais para uma vida longa e saudável. Os desafios são grandes e mudam em cada fase da vida, mas a preocupação e a atenção com o próprio corpo não devem parar ou diminuir nunca. Seja para prevenir doenças, viver com qualidade e bem-estar, o autocuidado é fundamental.

Quais são os principais cuidados com a saúde da mulher?

Quando se fala em qualidade de vida e saúde, nada é mais eficiente do que conhecer o próprio corpo. Dessa forma, é possível saber, por exemplo, quando algo não está funcionando tão bem. Esse cuidado nos mínimos detalhes é essencial: analisando pintas novas que surgiram na pele ou até uma mancha e ponto de dor em qualquer região. Além disso, outros sinais precisam ser observados com cautela, como, falta de disposição, queda de cabelo e falta de sono. Perceber várias mudanças ao mesmo tempo, pode ser um indício de alguma alteração hormonal, por exemplo.

Outra forma de cuidado com o próprio corpo é o exame de toque nas mamas, que é possível ser realizado a qualquer dia, na sua casa, sem muita dificuldade.

A região íntima também é um ponto que precisa ser observado — a presença de corrimentos, coceiras e dores nas relações sexuais. Em qualquer um desses casos, procure um médico ginecologista, que irá orientá-la com todo o cuidado e precisão.

Além das práticas de autocuidado, é importante visitar médicos e profissionais da saúde com regularidade. Fazer exames de rotina, receber uma avaliação feita por um especialista, corrigir alguns hábitos, enfim, a ajuda profissional é essencial. Assim, é possível ter uma orientação sobre novos cuidados que devem fazer parte da rotina da mulher.

Outro ponto fundamental é garantir uma boa imunidade, o que ajuda a evitar muitos problemas. Para isso, vale a pena manter bons hábitos de saúde, com alimentação equilibrada, estresse sob controle e prática de esporte com regularidade, mas não só isso, viu? Exames para avaliar a imunidade podem ser solicitados pelo seu médico, sempre que forem necessários.

Dessa forma, os princípios da medicina preventiva são colocados em prática, por meio do simples conhecimento do próprio corpo e da escolha por hábitos diários saudáveis, reduzindo, assim, as chances de doenças e, mais importante, preparando o corpo para uma vida com bem-estar.

Quais os exames que devem ser realizados?

Além de tudo o que foi apresentado acima, existem alguns exames que fazem parte da rotina de cuidados com a saúde da mulher. O que acha, então, de conhecer um pouco mais sobre a importância de cada um deles? Confira!

Exame Ginecológico

Por meio de uma consulta cuidadosa, conhecendo a sua história e complementando esses dados com o exame físico, o ginecologista pode orientá-la sobre diversas condições e solicitar exames complementares, sempre que necessários, como exames de imagem ou citológico.

Exame de Papanicolau

É um exame simples e rápido, coletado no consultório pelo ginecologista, no qual são avaliadas as células do colo do útero. O material coletado é enviado para um laboratório para a análise, e por meio do resultado o médico consegue avaliar o padrão hormonal da paciente, diagnosticar inflamações e doenças como a infecção pelo HPV e outras infecções sexualmente transmissíveis. Mas, o maior benefício do exame, é a possibilidade de prevenir e detectar precocemente lesões pré-cancerosas, facilitando o tratamento e possibilitando a cura.

Ecografia Pélvica

A ecografia pélvica é um exame complementar de diagnóstico que permite a visualização detalhada dos órgãos pélvicos. Pode ser realizado por via abdominal ou transvaginal, de acordo com a indicação médica. Por via abdominal costuma ser realizada com a bexiga cheia, ou seja, é aquele exame no qual você deve tomar a quantidade de água pedida, pelo laboratório, antes da realização.

Mamografia e Ecografia de Mamas

Outros dois exames de imagem importantes para a saúde da mulher: a mamografia e a ecografia de mamas. O primeiro é muito importante para identificação de câncer ainda nos estágios iniciais da doença, enquanto o segundo, reproduz imagens sem uso de radiação, pode complementar a mamografia, principalmente em mulheres com mamas mais densas.

Hemograma e outros exames de rotina

Além de todos os exames mais específicos para as mulheres, é importante não deixar de lado procedimentos mais rotineiros solicitados, como o hemograma, o perfil lipídico e a glicemia, por exemplo.

Como esses cuidados previnem doenças

De acordo com um estudo da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML), 72% dos pacientes com doenças crônicas só sabem que estão com algum problema com o surgimento de sintomas. Em algumas situações, isso pode representar a necessidade de tratamentos mais intensos para conseguir uma solução.

Além disso, o mesmo estudo mostra que a realização desses exames específicos para a saúde da mulher são essenciais para fornecer o apoio aos médicos que precisam tomar decisões em relação ao tratamento dos pacientes. Especialmente pensando na prevenção, a realização deles com regularidade é uma prática muito importante para reduzir as chances de ter alguma doença mais grave.

Segundo levantamento feito pelo Instituto de Pesquisa HCor, a descoberta e o início do tratamento do câncer de mama nos estágios iniciais pode aumentar as chances de sucesso e cura. Esses dados reforçam a importância de adicionar exames como a mamografia regularmente em busca de uma rotina saudável, além dos exames e consultas periódicas com o seu médico.

A saúde da mulher exige uma série de práticas para assegurar uma melhor qualidade de vida. Vão desde os pequenos detalhes na rotina, como uma alimentação saudável, abandonar o sedentarismo e até a realização de exames específicos periodicamente. Tudo isso garante que ela conheça mais sobre o seu corpo e consiga manter uma vida mais saudável em todos os aspectos.

Agora que você já sabe quais são os cuidados necessários com a saúde da mulher e alguns exames que devem fazer parte da sua rotina, compartilhe este conteúdo em suas redes sociais e ajude mais mulheres!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Autocuidado

Conheça 8 dicas práticas para ter uma rotina saudável

É muito comum ouvirmos que devemos adotar uma rotina saudável. Essa ideia está presente na mídia, nos consultórios médicos e até nas rodas de conversa em família. Mas, afinal, o que isso significa? A verdade é que depende. Não há uma única...

Autocuidado

Saiba como os exercícios físicos ajudam na sua saúde

Você já deve ter ouvido falar sobre como exercícios físicos ajudam na saúde, certo? Mas, afinal, qual é a relevância desse hábito para o nosso dia a dia? Apenas se exercitar é o suficiente para ter um organismo mais saudável? E como praticá-los da...

Saúde

O que é Novembro Azul? Entenda o mês de prevenção ao câncer de próstata

Quando o assunto é câncer, todo mundo fica um pouco assustado. Não é para menos, já que essa é uma doença séria, podendo ser fatal. No entanto, uma das principais medidas para evitar esse desfecho é o diagnóstico precoce, um dos principais temas...

Confira os cuidados essenciais com a saúde da mulher; A preocupação e os cuidados com a saúde devem fazer parte da rotina de qualquer pessoa, certo? Mas quando se fala na saúde da mulher, a atenção deve ser ainda maior. Imagine para alguém que planeja, por exemplo, ter filhos nos próximos anos? O corpo precisa estar preparado para um momento tão bonito e desafiador. Além de ser uma forma de garantir que o organismo esteja saudável, alguns cuidados ajudam na prevenção de doenças e identificação de situações ainda em um estágio inicial, o que pode facilitar um eventual tratamento. O câncer de mama é um exemplo disso, que pode ser tratado com mais eficiência e menor agressividade ao ser descoberto logo no começo. Mas, na prática, quais são os exames mais importantes e que devem fazer parte da rotina de cuidados da saúde da mulher? Quais são os benefícios que cada um deles proporciona e como eles impactam a qualidade de vida da paciente? Esclarecemos essas dúvidas agora, vamos lá? Qual a importância da atenção com a saúde da mulher? Segundo levantamento do Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de mama representa 24,5% de todos os cânceres em mulheres no mundo. Em 2020, só no Brasil, foram mais de 66 mil casos. A taxa de mortalidade também é considerada alta, com 14 óbitos a cada 100 mil mulheres. O INCA reforça a tendência de crescimento desses números alarmantes. Esse é apenas um exemplo de como os cuidados com a saúde da mulher são fundamentais para uma vida longa e saudável. Os desafios são grandes e mudam em cada fase da vida, mas a preocupação e a atenção com o próprio corpo não devem parar ou diminuir nunca. Seja para prevenir doenças, viver com qualidade e bem-estar, o autocuidado é fundamental. Quais são os principais cuidados com a saúde da mulher? Quando se fala em qualidade de vida e saúde, nada é mais eficiente do que conhecer o próprio corpo. Dessa forma, é possível saber, por exemplo, quando algo não está funcionando tão bem. Esse cuidado nos mínimos detalhes é essencial: analisando pintas novas que surgiram na pele ou até uma mancha e ponto de dor em qualquer região. Além disso, outros sinais precisam ser observados com cautela, como, falta de disposição, queda de cabelo e falta de sono. Perceber várias mudanças ao mesmo tempo, pode ser um indício de alguma alteração hormonal, por exemplo. Outra forma de cuidado com o próprio corpo é o exame de toque nas mamas, que é possível ser realizado a qualquer dia, na sua casa, sem muita dificuldade. A região íntima também é um ponto que precisa ser observado — a presença de corrimentos, coceiras e dores nas relações sexuais. Em qualquer um desses casos, procure um médico ginecologista, que irá orientá-la com todo o cuidado e precisão. Além das práticas de autocuidado, é importante visitar médicos e profissionais da saúde com regularidade. Fazer exames de rotina, receber uma avaliação feita por um especialista, corrigir alguns hábitos, enfim, a ajuda profissional é essencial. Assim, é possível ter uma orientação sobre novos cuidados que devem fazer parte da rotina da mulher. Outro ponto fundamental é garantir uma boa imunidade, o que ajuda a evitar muitos problemas. Para isso, vale a pena manter bons hábitos de saúde, com alimentação equilibrada, estresse sob controle e prática de esporte com regularidade, mas não só isso, viu? Exames para avaliar a imunidade podem ser solicitados pelo seu médico, sempre que forem necessários. Dessa forma, os princípios da medicina preventiva são colocados em prática, por meio do simples conhecimento do próprio corpo e da escolha por hábitos diários saudáveis, reduzindo, assim, as chances de doenças e, mais importante, preparando o corpo para uma vida com bem-estar. Quais os exames que devem ser realizados? Além de tudo o que foi apresentado acima, existem alguns exames que fazem parte da rotina de cuidados com a saúde da mulher. O que acha, então, de conhecer um pouco mais sobre a importância de cada um deles? Confira! Exame Ginecológico Por meio de uma consulta cuidadosa, conhecendo a sua história e complementando esses dados com o exame físico, o ginecologista pode orientá-la sobre diversas condições e solicitar exames complementares, sempre que necessários, como exames de imagem ou citológico. Exame de Papanicolau É um exame simples e rápido, coletado no consultório pelo ginecologista, no qual são avaliadas as células do colo do útero. O material coletado é enviado para um laboratório para a análise, e por meio do resultado o médico consegue avaliar o padrão hormonal da paciente, diagnosticar inflamações e doenças como a infecção pelo HPV e outras infecções sexualmente transmissíveis. Mas, o maior benefício do exame, é a possibilidade de prevenir e detectar precocemente lesões pré-cancerosas, facilitando o tratamento e possibilitando a cura. Ecografia Pélvica A ecografia pélvica é um exame complementar de diagnóstico que permite a visualização detalhada dos órgãos pélvicos. Pode ser realizado por via abdominal ou transvaginal, de acordo com a indicação médica. Por via abdominal costuma ser realizada com a bexiga cheia, ou seja, é aquele exame no qual você deve tomar a quantidade de água pedida, pelo laboratório, antes da realização. Mamografia e Ecografia de Mamas Outros dois exames de imagem importantes para a saúde da mulher: a mamografia e a ecografia de mamas. O primeiro é muito importante para identificação de câncer ainda nos estágios iniciais da doença, enquanto o segundo, reproduz imagens sem uso de radiação, pode complementar a mamografia, principalmente em mulheres com mamas mais densas. Hemograma e outros exames de rotina Além de todos os exames mais específicos para as mulheres, é importante não deixar de lado procedimentos mais rotineiros solicitados, como o hemograma, o perfil lipídico e a glicemia, por exemplo. Como esses cuidados previnem doenças De acordo com um estudo da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML), 72% dos pacientes com doenças crônicas só sabem que estão com algum problema com o surgimento de sintomas. Em algumas situações, isso pode representar a necessidade de tratamentos mais intensos para conseguir uma solução. Além disso, o mesmo estudo mostra que a realização desses exames específicos para a saúde da mulher são essenciais para fornecer o apoio aos médicos que precisam tomar decisões em relação ao tratamento dos pacientes. Especialmente pensando na prevenção, a realização deles com regularidade é uma prática muito importante para reduzir as chances de ter alguma doença mais grave. Segundo levantamento feito pelo Instituto de Pesquisa HCor, a descoberta e o início do tratamento do câncer de mama nos estágios iniciais pode aumentar as chances de sucesso e cura. Esses dados reforçam a importância de adicionar exames como a mamografia regularmente em busca de uma rotina saudável, além dos exames e consultas periódicas com o seu médico. A saúde da mulher exige uma série de práticas para assegurar uma melhor qualidade de vida. Vão desde os pequenos detalhes na rotina, como uma alimentação saudável, abandonar o sedentarismo e até a realização de exames específicos periodicamente. Tudo isso garante que ela conheça mais sobre o seu corpo e consiga manter uma vida mais saudável em todos os aspectos. Agora que você já sabe quais são os cuidados necessários com a saúde da mulher e alguns exames que devem fazer parte da sua rotina, compartilhe este conteúdo em suas redes sociais e ajude mais mulheres!

Olá! Nosso site utiliza cookies para que possamos otimizar o atendimento que prestamos a você. Ao utilizar nosso site, você concorda com uso deles. Para saber mais, leia nossa política de privacidade.